CREAS de Confresa realizará ação de conscientização em prol do dia de combate à violência contra o idoso

A reflexão sobre o cuidado com as pessoas mais velhas ganhou força nesta terça-feira (15), data em que é celebrado o Dia Mundial da Conscientização da Violência Contra a Pessoa Idosa. A data foi reconhecida pela Assembleia Geral das Nações Unidas em 2006, após solicitação da Rede Internacional de Prevenção ao Abuso de Idosos (Inpea). A ideia é que nesse dia – e também em todo o mês de junho – o mundo inteiro manifeste sua oposição a abusos e sofrimentos infligidos às pessoas mais velhas.

A violência contra o idoso pode ser definida como “um ato único, repetido ou a falta de ação apropriada, ocorrendo em qualquer relacionamento em que exista uma expectativa de confiança que cause dano ou sofrimento a uma pessoa idosa”. É uma questão social global que afeta a saúde e os direitos humanos de milhões de idosos em todo o mundo e que merece a atenção da comunidade internacional.

No Brasil, o Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos (MMFDH), lançou a Campanha Nacional de Enfrentamento à Violência contra a Pessoa Idosa, com o objetivo de abordar medidas para prevenir e identificar situações de violência, negligência e abuso contra os idosos. Experiências e boas práticas serão compartilhadas, com contribuições para uma proposta de protocolo de atenção.

Em Confresa, o Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS) fará um ato de conscientização no fim de semana, começando na sexta-feira (18), objetivando conversar com diversas famílias sobre a violência contra os idosos.