Governador visita Confresa e realiza vistoria em áreas disponibilizadas para construção do Hospital Regional

O Governador Mauro Mendes foi recebido por líderes políticos estaduais e federais, pelos representantes da região do Norte Araguaia, incluindo prefeitos, vereadores, secretários e assessores, no início da tarde de sexta-feira (14) em Confresa.  Após breve cumprimento no aeroporto, todos dirigiram-se para almoço num restaurante local onde houve um ato público.

Logo após fala citando as obras que beneficiarão todo o território estadual, as equipes começaram o processo de visitação, que começou no Hospital Municipal de Confresa, onde o Governador visitou as obras de ampliação da unidade, entre eles o local onde será implantado 10 leitos de UTIs . Em seguida a comitiva foi até as áreas disponibilizadas para construção na cidade.

O governo de Confresa através do prefeito Rônio Condão, disponibilizou mais de 6 áreas ao estado para receber o investimento.

“Apresentamos ao Governador Mauro Mendes várias áreas que estão à disposição do estado para receber o projeto, estamos trabalhando de forma incansável, pois sabemos que Confresa tem as melhores condições de receber esse Hospital. Da nossa parte, todo o necessário será feito para essa conquista – não só de Confresa mas também do Norte Araguaia.” explicou o prefeito Ronio, que recepcionou o Governador no aeroporto municipal.

Segundo o Governador Mauro Mendes, a decisão sobre a localidade do hospital será tomada com base em análise técnica feita pela sua equipe, a partir de dados coletados e analisados, para que a decisão seja a melhor possível para a região. Disse também que não é sobre um município ganhar ou perder, que o que importa é que a região Norte Araguaia ganhará um Hospital Regional de qualidade, com equipamento de ponta e profissionais qualificados.

Confresa hoje centraliza os atendimentos em saúde da região e conta com uma logística que possibilita atendimento mais rápido a paciente de outras cidades da região, além de uma estrutura de apoio completa tanto no setor público quanto privado.