Prefeitura de Confresa Implanta Projeto Roça na Escola

O Projeto “Roça na Escola” partiu da necessidade de apresentar maior variedade de culturas e fixar as pessoas no campo. Segundo o Secretário de Educação Jalis Alves Oliveira, já existe um projeto do governo federal em andamento, no qual são cultivadas hortaliças nas escolas, pensando aprimorar esse projeto, a Assessora Pedagógica da Secretaria Municipal de Educação, Professora Florinda Abadia de Souza, sugeriu o incremento com a inserção de outras culturas “Além das hortaliças nós decidimos incrementar o projeto das hortaliças e cultivar outras culturas, como árvores frutíferas, banana, mandioca e outras variedades, assim, os alunos conhecem mais variedades existentes e ao mesmo tempo são estimulados a cultivar em suas propriedades e complementar a renda familiar”, disse o Secretário de Educação Jalis Oliveira.

Quem cuidará da roça são os alunos, porém com suporte técnico da Secretaria Municipal de Educação, Secretaria de Agricultura, IFMT e a EMPAER. Uma das atribuições da Empresa de Pesquisa, Assistência e Extensão Rural EMPAER, será orientar os jovens produtores em relação as linhas de créditos que eles podem ter acesso após a certificação de participação no projeto Roça na Escola. Outra atribuição da EMPAER será a inserção do projeto “Meu pé de Maracujá” dentro do projeto “Roça na Escola”.

O projeto “Meu pé de Maracujá”, objetiva fomentar o cultivo do maracujá como forma de incentivar a cadeia produtiva da fruticultura e incrementar a renda das famílias de pequenos agricultores. Segundo Adaídes Aires da Rocha, extensionista rural da EMPAER, uma pequena propriedade rural não consegue sobreviver apenas de uma fonte de renda, um dos princípios da agricultura familiar é a diversidade e acreditamos que a fruticultura tem esse potencial de ser mais uma fonte de renda para estes pequenos agricultores.

Entre os diversos benefícios do projeto estão a geração de renda, o cultivo e a comercialização de produtos saudáveis, sem utilização de agrotóxicos. A maior parte dos produtos oriundos do Projeto “Roça na Escola”, serão incorporados na alimentação escolar e o restante poderão ser comercializados.

A Secretaria de Agricultura e Meio Ambiente, além do suporte técnico, está conseguindo através do Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento, kits de irrigação, que serão utilizados no projeto com objetivo de proporcionar mais qualidade técnica nos processos de cultivo.

Acessibilidade